Generosidade e Identidade Cristã

Amado e amada de Deus,

Saúde e paz

A generosidade faz parte da identidade cristã e exige, de cada pessoa, a capacidade de reconhecer que o outro é um irmão. Cultivar essa capacidade requer a disponibilidade para se avaliar, a partir de importante interpelação que vem da palavra de Deus: “Se amais os que vos amam, que recompensa haveis de ter? ”

O desafio existencial de todos não é somente amar os que são próximos, família e amigos. Somos interpelados a cultivar um coração cristão, que pressupõe amar todas as pessoas, indistintamente. Eis um fundamento para exercer a caridade, contribuindo para que o mundo se torne mais fraterno.

A humanidade é frágil, cada pessoa tem suas limitações e todos dependem uns dos outros para vencer dificuldades que fazem parte da vida. Por isso mesmo, cultivar um coração fraterno, preparado para o exercício da caridade, é caminho para melhorar o mundo. Sirva de inspiração no percurso desse caminho uma importante lição do Apóstolo Paulo. “Conheceis a generosidade de nosso Senhor Jesus Cristo: de rico que era, tornou-se pobre por causa de vós, para que vos torneis ricos, por sua pobreza.”

Dom Walmor Oliveira de Azevedo

Arcebispo Metropolitano de BH

Presidente da CNBB

Veja também