Fiéis se despedem de dom Serafim com aplausos

Cerca de dois mil fiéis participaram da Missa com o rito de Exéquias, despedindo-se do cardeal dom Serafim Fernandes de Araújo, que faleceu na terça-feira, 8 de outubro, aos 95 anos, após complicações de uma pneumonia. Durante os três dias de velório, aproximadamente sete mil fiéis participaram da programação especial de Missas, no Santuário Arquidiocesano de Adoração Perpétua – Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem, onde o Cardeal foi velado e sepultado.

A Missa com o Rito de Exéquias foi presidida pelo arcebispo dom Walmor Oliveira de Azevedo, que voltou de Roma, onde participava do Sínodo dos Bispos para a Amazônia, trazendo a palavra solidária do Papa Francisco. Conforme disse o Arcebispo, o Papa Francisco manifestou a sua solidariedade aos familiares de dom Serafim e a toda Arquidiocese de Belo Horizonte.

O Arcebispo, durante a sua homilia, disse que dom Serafim, em tudo que foi e fez, construiu uma bonita herança. “Possamos prosseguir, à luz dessa herança, deixada pelos que nos precederam”, afirmou.

Pouco antes da Missa, durante entrevista, dom Walmor destacou a importância de dom Serafim para a Igreja no Brasil, ressaltando os trabalhos do Cardeal durante seu ministério.

Cardeais, arcebispos, bispos e muitos padres participaram da Missa e dedicaram homenagens a dom Serafim. Antes de ser sepultado, na cripta do Santuário, o Arcebispo Emérito recebeu muitas palmas, homenagens do Povo de Deus, que assim se despediu do Cardeal.

 

*Divulgação: Arquidiocese de BH

Veja também