Caminho Religioso da Estrada Real será lançado dia 1° de setembro

No dia 1° de setembro próximo, será lançado no Santuário Nossa Senhora da Piedade a maior rota de turismo religioso do Brasil: o Caminho Religioso da Estrada Real (CRER). Na oportunidade, será realizada a Romaria 550, que liga o Santuário Nossa Senhora da Piedade, localizado em Caeté, ao Santuário Nacional de Aparecida, em São Paulo, passando por 32 municípios mineiros e seis cidades paulistas, num percurso de mais de mil quilômetros. Esse importante acontecimento será celebrado durante a abertura do II Salão Nacional do Turismo Religioso, no Santuário Nossa Senhora da Piedade, Padroeira de Minas Gerais.

O padre Fernando César do Nascimento, reitor do Santuário Nossa Senhora da Piedade, ressalta que ter o Santuário da Padroeira de Minas como ponto de partida do CRER é uma graça e um motivo de gratidão “Estamos celebrando 250 anos de peregrinações ao Santuário Nossa Senhora da Piedade e nada mais importante que marcarmos aqui o início do CRER. Oportunidade também de selar no coração dos mineiros o sagrado de ter Nossa Senhora da Piedade como nossa Mãe Padroeira”.

Para o arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo, “a singularidade do Caminho Religioso da Estrada Real reside na riqueza e na beleza do seu conjunto paisagístico e arquitetônico, particularmente sacro. Esse é um dos projetos com maior potencial turístico de Minas Gerais e, por isso, merece atenção de todos os mineiros. O CRER precisa estar no coração de cada mineiro, nos projetos empresariais e nos investimentos governamentais”.

CRER

Inspirado no consagrado Caminho de Santiago de Compostela, da França à Espanha, o CRER liga o Santuário da Padroeira de Minas Gerais, Nossa Senhora da Piedade, ao Santuário da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida.
A ideia surgiu em 2001, quando dois caminhantes, com apoio do Instituto Estrada Real (IER) e da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), percorreram, em 36 dias, toda a Estrada Real, identificando as principais necessidades para sua consolidação. Entre 2002 e 2004, depois de rigoroso levantamento e demarcação, foram fixados os marcos sinalizadores. “O turista pode iniciar a rota de qualquer ponto e percorrer os trechos que desejar, não sendo obrigatório realizar todo o caminho de uma só vez”, explica Eberhard Hans Aichinger, representante da Sacrum Brasilidades, empresa gestora do CRER.

A rota cruza os municípios mineiros de Caeté, Sabará, Raposos, Barão de Cocais, Nova Lima, Santa Bárbara, Rio Acima, Catas Altas, Itabirito, Mariana, Ouro Preto, Ouro Branco, Congonhas, Conselheiro Lafaiete, São Brás do Suaçuí, Entre Rios de Minas, Casa Grande, Lagoa Dourada, Prados, Tiradentes, Santa Cruz de Minas, São João del Rei, Carrancas, Cruzília, Baependi, Caxambu, São Lourenço, Pouso Alto, São Sebastião do Rio Verde, Itamonte, Itanhandu e Passa Quatro – e os paulistas Cruzeiro, Cachoeira Paulista, Canas, Lorena, Guaratinguetá e Aparecida.

Em Minas Gerais, o trajeto está todo sinalizado para que o peregrino possa se orientar com segurança. Totens instalados em locais estratégicos indicam as direções e placas indicativas apresentam o mapa geral do caminho, mostrando os municípios do percurso.

Ao final do percurso, seja no Santuário Nossa Senhora Aparecida ou no Santuário Nossa Senhora da Piedade, o peregrino que apresentar o seu passaporte carimbado em sua totalidade, receberá um certificado de conclusão de todo o Caminho Religioso da Estrada Real.

Romaria 550

Peregrinos já podem se inscrever para a Romaria 550 – rota que liga o Santuário Nossa Senhora da Piedade – Padroeira de Minas Gerais ao Santuário Nossa Senhora Aparecida – Padroeira do Brasil. Os fiéis vão percorrer mais de 800 km, passar por 38 municípios, a pé, a cavalo, de bicicleta e em jipes entre os dias 8 de setembro e 9 de outubro. Os grupos de peregrinos vão partir do Santuário da Padroeira de Minas Gerais no dia 3 de setembro. O coordenador das pastorais da Cultura e do Turismo da Arquidiocese de Belo Horizonte, professor Josimar Azevedo, explicou que essa será a primeira grande peregrinação pelo Caminho Religioso da Estrada Real (Crer) – maior roteiro de peregrinação do Brasil, que liga o Santuário Nossa Senhora da Piedade ao Santuário Nossa Senhora Aparecida. Mais informações sobre a Romaria 550: www.sacrumbrasilidades.com.

Fonte: Arquidiocese de Belo Horizonte

Veja também