Artigo – “O que é conhecimento”

Prof. Antônio de Oliveira
antonioliveira2011@live.com

Todo o mundo conhece alguma coisa, mas pouca gente se pergunta o que é conhecimento. Vai aqui apenas uma reflexão por alto. Conhecer, no sentido de aprendizado, é processar a verdade objetivamente. Em acrescentando algo ao que já sei e que eu não sabia, mantido o pacto com a ciência e com a ética. Uma vez absorvida a aprendizagem até determinado nível, a partir daí esses novos conhecimentos são agregados. Sem limite, sem preconceitos e sem distorções, sendo indispensável constante vigilância.

Nossa pátria parece não estar aberta à visitação da verdade. À verdade opõe-se a ignorância. Literalmente, ausência de conhecimento. Ou a mentira, negação da verdade, inverdade. Nesse caso, em vez de um pacto com a verdade, tem-se por pai o diabo que, segundo o evangelista João, não se firmou na verdade, porque nele não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira. O Livro dos Provérbios lembra que o justo detestará a palavra mentirosa, enquanto o ímpio confunde e será confundido.

Dizem também que é coisa do diabo a crítica negativa, destrutiva, que, em vez de motivar, desestimula a aprendizagem, quando não a bloqueia. E quantos casos por aí afora e que marcaram pessoas pelo resto de sua vida ao se tornarem traumas arraigados!

Para Benjamin Disraeli, ter a consciência de que se é ignorante constitui grande passo em busca de toda a verdade. O mundo padece de dualismos, ricos e pobres, esquerda e direita, reacionários versus visionários utópicos. Conciliar o válido com o viável é fundamental.

A vida é uma aprendizagem constante e uma constante revisão de conceitos após sopesados, na balança, erros e acertos. Nessa balança, o prato de acertos e correções revela limitações inerentes à condição humana. Pelejem-se duras pelejas, obstinadamente, por essa nobre causa. Mas há quem prefira investir exclusivamente em lucros materiais, corrupção, fama e poder.

Veja também